Escravos do trânsito

escravo do transito

escravo do transito

Quem mora nas capitais sabe –  somos escravos do trânsito.

Desde quando é normal levarmos de 50 minutos a uma hora e meia pra cruzar uns 15km, e ainda agradecer por ter chegado em casa ou no trabalho rápido?

Nas capitais, o transporte público é fraco e já não suporta mais passageiros na maioria dos casos, e quem tem carro pensa que é esperto e vai trabalhar, levar criançada na escola ou rodar pra onde quer que for de caranga. Entope o sistema viário, polui o meio ambiente e cria o caos às 18hs da tarde. E ainda se leva em média 1 hora pra rodar poucos quilômetros. Chato, pra dizer o mínimo.

Mas pense num contexto maior: o que é o montante de gente sendo transportada, se locomovendo ou transitando em conjunto, com destino quase sempre padrão, como uma máquina funcionando num mesmo ritmo há anos, um conjunto de forças criada pelo homem e para o homem em cima do funcionamento equilibradamente perfeito do nosso planeta?

E, pro cidadão repousado no volante, ou vagarosamente atento para não bater ou se chocar no mar de veículos que se tornam as ruas das nossas cidades, sem poder fazer muito a não ser seguir o fluxo – o que é esse momento? É um involuntário aprisionamento, mesmo com certo grau de liberdade, que altera o humor de qualquer um e irrita até o mais tranquilo dos seres.

Somos escravos do trânsito de qualquer jeito. E estamos cuspindo CO2 na atmosfera com nossos meios de transporte à ponto do padrão climático do planeta começar a balançar legal.

Quero muito ver a minha geração, ou talvez a próxima, se libertando dessa escravidão. É uma das coisas mais burras que já inventamos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: