Bush se arrepende de retórica usada antes da guerra

Nosso querido Georginho Jr. saindo de cena como um cão arrependido:

“O presidente norte-americano, George W. Bush, admitiu nesta quarta-feira que sua retórica dura deu ao mundo a impressão de que ele é “um cara muito ansioso para fazer guerra” e disse que, agora, gostaria de ter falado em um tom diferente.

Em entrevista publicada hoje pelo diário inglês The Times, Bush, que protagoniza atualmente uma viagem de despedida de seus aliados europeus, admite que algumas atitudes e frases que utilizou fizeram muitos acreditar que “não era um homem de paz”.

Bush mostrou-se arrependido com a divisão na comunidade internacional provocada pela guerra no Iraque. “Acho que poderia ter usado um tom diferente, uma retórica diferente”. Para ele, o uso de frases como “podem vir” e “vivo ou morto” indicaram às pessoas “que eu não era, você sabe, um homem de paz”.

O político republicano diz ter sido “muito doloroso” pôr jovens norte-americanos em perigo, enviando-os ao front de guerra, e afirmou que vem tentando se reunir com todas as famílias que pode, pois se sente obrigado a “consolá-las na medida de suas possibilidades, e assegurar que essas vidas não foram perdidas em vão”.”

Mais aqui.

(Sim, eu vou continuar postando sobre o Bush toda vez que ele der uma de bom samaritano enganado, iludido e arrependido, até o momento que ele passar a faixa pro Obama – e que seja o Obama!)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: